BAIXA LUMINOSIDADE – LOW LIGHT:

Segundo estatística da secretaria nacional de segurança pública, 60% das ocorrências acontece em ambientes de baixa luminosidade.
Considerando que 80% de toda a informação sensorial humana é percebida pelo sistema visual, o maior problema em operar em locais com baixa luminosidade não está relacionado à diminuição na habilidade para utilizar a arma de fogo, mas sim na dificuldade em se identificar claramente o alvo.
Tão importante quanto portar uma lanterna de qualidade e adequada à atividade policial será realizar treinamentos específicos para a sua utilização com segurança. Existem diversos métodos de tiro combinados com o uso da lanterna, devendo o policial utilizar o método mais adequado para o tipo de situação em que esteja inserido, como também aquele que melhor se encaixa com o tipo de lanterna e/ou de arma que esteja utilizando.
Curso ideal para agentes de operações especiais que atuam em operações ofensivas e de resgate de reféns.